Connect
To Top

Petróleo sobe após notícia de cortes na produção

Os preços do petróleo subiram, refletindo a esperança num primeiro acordo global para reduzir o excesso de oferta

Os preços do petróleo subiram pela terceira sessão consecutiva ontem, quinta-feira, refletindo a esperança de que os países produtores de petróleo possam assinar o primeiro acordo global para ajudar a reduzir o excesso de oferta, que tem pressionado os preços há um ano e meio. O petróleo chegou a disparar 8% depois do ministro russo da Energia, Alexander Novak, ter dito que a Arábia Saudita tinha proposto uma redução da produção em 5%. Segundo Novak, isso representaria um corte de 500 mil barris por dia na produção da Rússia, o maior produtor do mundo, mas que não integra a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP).

O valor desta matéria-prima tem sofrido baixas devido à política de produção da OPEP, com o grupo a continuar a inundar o mercado com petróleo e assim desincentivar a produção de gás de xisto pela concorrência americana e manter a sua quota de mercado. A Arábia Saudita tem sido um dos principais defensores da estratégia de manter o excesso de produção.

 

 

 

 

You must be logged in to post a comment Login