Connect
To Top

Empresa Cimentos Nacionais de Angola vai explorar gesso em 600 hectares em Benguela

A empresa de cimentos ligada ao grupo português Galilei obteve concessões do governo

A empresa Cimentos Nacionais de Angola (CNA), ligada ao grupo português Galilei, obteve concessões do governo para a exploração de gesso numa área total de quase 620 hectares, na província de Benguela.

As duas concessões sobre os direitos mineiros da exploração industrial de gesso atribuídas à CNA dizem respeito a áreas na comuna de Dombe Grande, no município de Baía Farta. Estas duas explorações visam garantir o abastecimento de matéria-prima para a fábrica de produção de cimento que a CNA detém em Benguela.

A capacidade instalada em Angola ronda os oito milhões de toneladas, para um consumo de 5.022.000 de toneladas em 2014. Numa posição conjunta com a Comissão do Sector do Cimento e a Associação da Indústria Cimenteira de Angola (AICA), o governo justifica esta decisão com a necessidade de adoptar “medidas disciplinadoras que visem acautelar a importação desnecessária de cimento, na defesa da produção e da indústria nacional”.

You must be logged in to post a comment Login