Connect
To Top

Ter sucesso na gestão de mega eventos

Atraem o olhar de milhões e até de milhares de milhões de pessoas. São oportunidades de negócio que podem surgir mesmo antes de acontecerem. Para os governos, os megaeventos são formas de atrair mais investimento, melhorar a infra-estrutura urbana e aumentar a visibilidade internacional das cidades e dos países. Para as empresas, significam novos negócios em sectores como a construção, turismo, tecnologia e grande distribuição. Para a sociedade, devem significar investimento na melhoria da mobilidade urbana e das infra-estruturas e a criação de novos empregos.

Além dos desportivos, como o Mundial de Futebol ou o campeonato de ténis Estoril Open, existem megaeventos musicais, como os festivais de música da Baía de Luanda ou o Rock in Rio, no Brasil e em Lisboa, exposições, eventos religiosos e de negócios de grande dimensão. Desde que mobilizem multidões, são considerados megaeventos. O que torna um acontecimento num megaevento é a sua escala e capacidade de gerar novas oportunidades.

Aos interessados em organizar um grande evento para a comunidade corporativa em Angola, Carlota Ribeiro Ferreira e João Stilwell Zilhão, apresentam suas opiniões no que garante o sucesso da produção e operação de um evento.

Leia mais na Rumo – business intelligence – de Agosto corrente.

You must be logged in to post a comment Login