Connect
To Top

Estes óculos querem ser os reis da festa e da Internet

Óculos de sol com uma câmara que fazem filmagens para que sejam compartilhadas no Snapchat, a aplicação do momento entre os utilizadores das redes sociais.

Snapchat já não é só nome de aplicação para partilhar mensagens de imagens com os amigos e que tem a particularidade de se apagar alguns segundos após terem sido vistas. Agora é nome de companhia, ainda que tenha sido abreviado para Snap Inc. E para começar esta nova vida, fez questão de surpreender, ao lançar o primeiro produto hardware: os óculos Spectacles com uma câmara localizada na lateral. A ideia da empresa é aproximar os vídeos da forma como vemos as coisas na realidade. Para isso, a câmara tem uma lente que atinge um ângulo de 115 graus (idêntico ao nosso ângulo de visão).

Outra particularidade é que os vídeos serão redondos. Para iniciar uma gravação de dez segundos, basta o utilizador tocar num botão localizado na haste esquerda dos óculos. É possível fazer gravações até 30 segundos. Uma luz interna acende-se nos óculos quando uma gravação é iniciada.
Para alertar quem está a ser filmado, uma luz externa nos Spectacles também é accionada quando se começa a fazer um vídeo.

A ligação entre o smartphone e os Spectacles é feita de forma diferente em Android e iPhone.

No Android, a ligação será por Wi-Fi. No iPhone, será possível usar Bluetooth, além do Wi-Fi.

O conteúdo ficará armazenado em Memories do aplicativo. De acordo com o site The Verge, a bateria dos óculos tem capacidade para durar um dia. Para saber quanto de bateria resta, basta tocar duas vezes no botão lateral dos Spectacles. Os óculos serão vendidos com uma caixa portátil que servirá para recarregar a bateria.

Segundo o site, a caixa pode recarregar os óculos até quatro vezes.

Os Spectacles custarão 129 USD, disse Evan Spiegel, CEO da empresa que está avaliada em pelos investidores em 18 mil milhões USD.

Um preço que garante desde já grande competitividade, quando comparado com os mais de 1500 USD que a Google pede pelos seus Google Glass.
Segundo Spiegel, este produto é como se fosse um brinquedo “para ser usado entre amigos num churrasco ou num concerto ao ar livre”. A quantidade de óculos no mercado será limitada e espera-se que sejam comercializados no próximo mês, não existindo, contudo, uma data específica.
O produto será vendido em três cores: preto, azul e coral.

Evan Spiegel justificou ao jornal Washington Post este lançamento limitado com o facto de a empresa ter uma “abordagem lenta” e os querer ir implementando. “É para saber se eles se enquadram na vida das pessoas e ver se os utilizadores gostam” dos Spectacles, acrescentou.

Por Fernanda Mira

You must be logged in to post a comment Login