Connect
To Top

Charme Natura quer liderar o mercado de cosmética

A empresa completou um ano em Setembro, mas apenas no passado mês de Agosto apresentou oficialmente a marcada ao mercado: Charme Natura. Agora quer conquistar os clientes nacionais

Livre de químicos e sedativos, Charme Natura é a primeira marca angolana de cosméticos 100% naturais. “Usamos processos artesanais na produção, os mesmos de há mais de 1200 anos, quando o homem, de forma espontânea, teve o primeiro contacto com o sabão. Não mudámos nada, criamos apenas os nossos processos, adaptando os métodos a sistemas mais modernos. Todo o processo é manual, desde a produção à embalagem”, garantiu Eurico Adolfo, presidente da empresa.

A iniciativa nasceu na República Checa, onde Eurico se deslocou com objectivos académicos. O gosto, levado de Angola, de recorrer a produtos naturais e a necessidade de combater as baixas temperaturas de Praga foram os ingredientes.
“De forma espontânea, eu e a minha esposa fomos estudando formas de criar alguma coisa e começámos a fazer xaropes, que usávamos para combater a tosse, os resfriados e problemas de insónias que me surgiram”, recorda.
Estudando o peso da pele na constituição do corpo humano, Eurico Adolfo resolveu apostar em produtos cosméticos.

“Ao apercebermo-nos de que a pele é o maior órgão do corpo humano, com cerca de 16% do peso total, pensámos porquê não criar um produto para a pele e que tivesse algum efeito sobre a saúde. Foi assim que começámos a conceber os primeiros cremes, que fomos usando, eu e a minha esposa”, conta, estimando que tal aconteceu há cerca de “sete ou oito anos, mas, incluindo o período dos xaropes, estamos nisto há quase dez anos”.

Leia mais, nesta edição de Outubro, já nas bancas. 

You must be logged in to post a comment Login