Connect
To Top

Reabilitação da Marginal de Corimba custará 430 milhões USD

O projecto Marginal da Corimba tem como objectivo revitalizar a área de Samba, Corimba e Futungo de Belas.

O governo angolano assina contrato com empresa holandês, Van Oord para a concepção e construção do projecto Marginal da Corimba, em Luanda. A empreitada avaliada em 430 milhões USD está prevista para ser concluída em meados de 2019.

“O projecto Marginal da Corimba tem como objectivo revitalizar a área de Samba, Corimba e Futungo de Belas, com o objectivo de melhorar a qualidade de vida da população. Contribuirá para uma melhor acessibilidade da cidade de Luanda, bem como para ajudar a resolver os desafios da urbanização da cidade de forma sustentável”, explica em comunicado a empresa holandesa.

Desta forma, uma área de 400 hectares será recuperada ao longo da costa de Luanda e será protegida por vários revestimentos de rocha e quebra-mares.
A rocha necessária para o projecto será adquirida a partir de pedreiras locais. Van Oord vai implementar vários equipamentos de dragagem neste projecto.

You must be logged in to post a comment Login