Connect
To Top

5 Perguntas a…Carlos Cerqueira

O Administrador-Delegado da Robert Hudson reflecte sobre as vendas da marca no primeiro semestre.

Por Vânia Andrade

vania.andrade@mediarumo.co.ao 

1.O sector de comercialização de automóveis sofreu uma queda de 56% o ano passado. Que medidas poderão ser tomadas para melhorar a situação?

As variáveis inerentes à situação macroeconómica do País têm uma influência directa nas actividades comerciais, em particular as que estão dependentes de disponibilidade de divisas para importação, como é o caso do sector automóvel.

A Robert Hudson, em conjunto com a Ford, tem tentado encontrar as soluções mais ajustadas às condicionantes que o mercado angolano apresenta actualmente para a disponibilidade de divisas. A gestão de stock se encomendas tem sido feita de forma muito criteriosa, tendo em conta um balanço entre a procura e os modelos chave do nosso portefólio. Assim mesmo, e com as dificuldades conhecidas para a importação de veículos, apesar de não estarmos a dar uma resposta satisfatória à procura que existe, queremos crer que no 2.º semestre conseguiremos recuperar de forma a colocar a marca Ford no lugar que lhe pertence do ranking de marcas.

2. Qual o balanço de vendas no 1.º semestre do presente ano?

A actividade comercial, neste momento, sustenta-se mais na disponibilidade de stock do que na preferência e necessidades dos clientes angolanos.
Este cenário é bastante inibidor do desenvolvimento do sector e das marcas internacionais que apostam em Angola.
Neste cenário, a Robert Hudson/ Ford sofreu uma quebra no ranking das marcas no 1.º semestre devido à escassez de stock,mas esperamos recuperar, no 2.º semestre, para níveis próximos aos que tivemos em 2016, pois temos stock de viaturas a chegar a Angola, de vários modelos, de que não dispusemos durante o 1.º semestre. No 1.º semestre, pela disponibilidade de stock que tivemos, o nosso enfoque de vendas centrou-se nos modelos ligeiros comerciais – Transit e Ranger – e SUV – Escape.

3. Têm mantido projectos de responsabilidade social? Quais?

A aposta da Ford e da Robert Hudson na responsabilidade social é vista como fundamental para a continuidade da marca no mercado angolano e para nos mantermos próximos dos consumidores e da comunidade.

A Robert Hudson está presente no mercado angolano há 91 anos e esta longevidade apenas é possível porque existe uma relação de confiança e responsabilidade junto da população em geral.

Numa época em que o mercado nos apresenta muitos desafios, mantemos uma atenção especial para com as necessidades do País e das comunidades que nos envolvem.

Algumas das actividades que temos desenvolvido foram Condução Segura: Habilidades de Condução para a Vida – driving skills for life, desporto e reinserção social: Basketball without Borders – NBA.

No ramo da educação, temos apoiado pedagogicamente o programa Criança Feliz, da Obra da Divina Providência, programas internos de apoio na área da saúde, com sessões de esclarecimento de diferentes patologias e distribuição de preservativos.

4.Qual o principal objectivo da Iniciativa da Prevenção Rodoviária em parceria com a Universal?

Acreditamos que a segurança e a comodidade dos clientes Ford é o mais importante, por isso garantimos um serviço de confiança – Universal Seguros – para todos os clientes que comprem viaturas novas Ford em introduziu no mercado a versão mais recente do modelo Ford Edge. Uma novidade foi a gama SUV da Ford, que se caracteriza por uma evolução no designe tecnologia aplicados à dinâmica de condução para o maior conforto do condutor angolano. Este modelo está disponível em três versões distintas: SEL 3,5 l V6 290 cv 4×2 ou Titanium 4×4 e mais recentemente na versão Sport 2,7l 315 CV 4×4. Todas as versões com motores a gasolina. A nova versão da Ranger Wildtrack também ficou disponível em 2017 e vem reforçar o portefólio do novo modelo Ranger. Uma versão com motor 3,2 l, 200 cv, caixa automática de seis velocidades a diesel. Luanda, Benguela e agentes em todo o país, até 31 de Dezembro de 2017. A Universal Seguros tem vindo a ser a parceira privilegiada na área seguradora da Robert Hudson/Ford e o seguro de assistência em viagem em caso de avaria é uma cobertura exclusiva desta parceria. Os clientes Ford usufruem de um serviço único no mercado e a que não têm ainda acesso no caso de compra de outras marcas automóveis ou mesmo com outras seguradoras.

5. Que novos modelos a Robert Hudson/Ford disponibilizou ao mercado nacional este ano?

Em 2017, a Robert Hudson introduziu no mercado a versão mais recente do modelo Ford Edge. Uma novidade foi a gama SUV da Ford, que se caracteriza por uma evolução no designe tecnologia aplicados à dinâmica de condução para o maior conforto do condutor angolano. Este modelo está disponível em três versões distintas: SEL 3,5 l V6 290 cv 4×2 ou Titanium 4×4 e mais recentemente na versão Sport 2,7l 315 CV 4×4. Todas as versões com motores a gasolina. A nova versão da Ranger Wildtrack também ficou disponível em 2017 e vem reforçar o portefólio do novo modelo Ranger. Uma versão com motor 3,2 l, 200 cv, caixa automática de seis velocidades a diesel.

You must be logged in to post a comment Login