Connect
To Top

Bilionário doa 18 mil milhões de dólares para desenvolver democracia

Rede de fundações Open Society, dedicada ao desenvolvimento da democracia em mais de uma centena de países, recebeu mais um donativo do presidente.

O bilionário George Soros transferiu 18 mil milhões de dólares (mais de 15 mil milhões de euros) da sua fortuna pessoal para a fundação que criou em 1993, a Open Society, dedicada ao desenvolvimento da democracia. Aquela que é, na realidade, uma rede de fundações com filiais em 37 países e ações em mais de 100 nacionalidades já recebeu mais de 20 mil milhões de dólares (29 mil milhões de euros) de financiamento de filantropo, sendo a segunda mais rica dos EUA a seguir à Fundação Bill & Melinda Gates (40 mil milhões de dólares ou 34 mil milhões de euros). 87 anos após ter nascido, em Budapeste, na Hungria, e depois de uma vida dedicada a investimentos em hedge funds, George Soros é um dos homens mais ricos do Mundo, com um património líquido de 23 mil milhões de dólares, de acordo com a Forbes.

O donativo agora anunciado “reflecte um processo em andamento de transferência de recursos que ocorre há vários anos”, segundo explicação de Laura Siber, porta-voz da fundação, à agência AFP. Segundo a mesma fonte, o bilionário pretende deixar “a vasta maioria” da sua fortuna à fundação onde têm assento três dos cinco filhos de Soros. Filantropo desde os anos 1970, Soro começou por atribuir bolsas escolares a sul africanos vítimas do Apartheid, na década seguinte ajudou a promover a queda do muro de Berlim e financiou intercâmbios culturais entre a Europa de Leste e Ocidental, contribuindo ainda para a abertura da ex-URSS.

No início deste século, com a atenção voltada para os EUA, criticou as guerras contra a droga e apoiou o movimento de legalização da marijuana como droga medicinal e, ainda, o casamento de pessoas do mesmo sexo. É conhecido por apoiar “causas perdidas” e envolver-se nos “problemas mais insolúveis”, notando que “o sucesso que teve nos mercados financeiros proporcionaram um elevado grau de independência” que permite ao bilionário financiar as causas que entende.

You must be logged in to post a comment Login