Connect
To Top

Angola lidera na absorção de financiamento da China

De acordo com um estudo recente da Universidade de Boston, Estados Unidos, Angola foi o País africano que mais financiamento chinês captou para a construção de infra-estruturas energéticas desde o ano 2000.

O estudo informa que nos últimos 18 anos a China concedeu financiamento de perto de 34,8 mil milhões de dólares em infra-estruturas energéticas nos países africanos, dos quais 8,9 mil milhões de dólares em Angola, ao que passo que da Nigéria foram (6,6 mil milhões de dólares).

No âmbito do apoio à reconstrução de infra-estruturas em Angola, a China tem apostado no financiamento da construção de barragens, nomeadamente a de Caculo Cabaça.

O relatório indica ainda que a proporção de financiamento chinês em infra-estruturas energéticas em África tem vindo a aumentar, em relação a outras regiões, e que no ano passado o continente africano foi o que mais recebeu mais destes fluxos de capitais.

Por outro lado, o relatório da Economist Intelligence Unit sobre Angola informou que o governo continuará a procurar empréstimos da China para permitir prosseguir com os programas de despesas de capital, a fim de construir estradas e centrais eléctricas.

You must be logged in to post a comment Login