Connect
To Top

Instituto florestal angaria 73 milhões de kwanzas em exploração da madeira

O vice-governador do Moxico para o sector Político, Económico e Sócio, Carlos Alberto Masseca, informou nesta quarta-feira que IDF (Instituto de Desenvolvimento Florestal), arrecadou cerca de setenta milhões, 505 mil e 896 kwanzas, durante a exploração de madeira no Moxico.

Durante a campanha florestal, iniciada em Junho de 2017, o Instituto de Desenvolvimento Florestal licenciou 60 empresas para explorar 31 mil e 976 metros cúbicos de madeira.

Segundo os dados disponíveis, em 2016 não houve exploração florestal, ao passo que, em 2015, o IDF emitiu 14 licenças de exploração de madeira, o que permitiu arrecadar para os cofres do Estado 17 milhões, 999 mil e 571 Kwanzas, com a exploração de três mil metros cúbicos de madeira em touro.

Ao falar a imprensa, nesta quarta-feira, o representante Carlos Alberto Masseca durante o Conselho de Auscultação e Concertação Social (CACS), informou que o modelo de exploração da madeira não tem correspondido com o desejo do governo, uma vez que as empresas exploradoras desobedecem os preceitos estabelecidos.

Por esta razão, informou que a exploração da madeira será suspensa a partir de 31 deste mês Janeiro, por não se cumprir com a orientação da exploração sustentável, optando em práticas que provocam impactos negativo ao meio ambiente, bem como a degradação progressiva das estradas.

 

 

You must be logged in to post a comment Login