Connect
To Top

Angola deve 540 millhões de dólares de companhias aeréas estrangeiras

Durante a conferência de imprensa internacional sobre aviação o presidente do Conselho de Administração da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), Alexandre Juniac, afirmou que as companhias aéreas estrangeiras têm confinado em Angola cerca de 540 milhões de dólares devido à incapacidade de obter divisas para proceder à repatriação das receitas.

Sobre a aviação civil, o representante acrescentou que a situação carece de observação, adiantando que a incapacidade de as companhias aéreas procederem à repatriação das suas receitas pode fazer com que as empresas do sector deixem de voar para Angola.

Alexandre Juniac disse ainda que os recursos bloqueados não se registam apenas no país, mas em oito países africanos, salientando que apesar dos problemas económicos, bloquear, não é a saída.

“Em face desta dívida, que até Dezembro se fixou em 540 milhões de dólares, a IATA elaborou um plano de 12 meses já apresentado ao governo angolano com o intuito de se desbloquear a situação”, adiantou.

 

You must be logged in to post a comment Login