Connect
To Top

Emirates salva gigante A380 da Airbus com encomenda de 36 novos aviões

Com este pedido, a Emirates irá elevar a sua frota de A380 para 178 aviões.

A Emirates vai comprar 36 novos A380 à Airbus, num negócio avaliado em 16 mil milhões de dólares (cerca de 13 mil milhões de euros). O memorando de entendimento assinado entre as partes estipula uma encomenda de 20 pedidos firmes e 16 opções de compra, indica a companhia aérea em comunicado esta manhã.

Com esta encomenda, a Emirates irá elevar a sua frota de A380 para 178 aviões. Neste momento a empresa árabe tem em funcionamento 101 aparelhos e, antes de avançar com este pedido, tinha feito já outro de 41 aviões. No total, a frota ficará a valer 60 mil milhões de euros (49 mil milhões de euros).

“Não é segredo que o A380 tem sido um sucesso para a Emirates. Os nossos passageiros adoram-no e nós conseguimos utilizá-lo em diferentes missões em toda a nossa rede, dando-nos flexibilidade em termos de raio de acção e diversidade de passageiros”, indicou Sheikh Ahmed, presidente e CEO da Emirates, na divulgação da empresa. “Alguns dos novos A380 que acabámos de encomendar serão usados em substituições na frota. Este pedido trará estabilidade à linha de produção A380. Continuaremos a trabalhar de perto com a Airbus para melhorar ainda mais o avião e o produto a bordo.”

Nesta semana, a Airbus tinha assumido que teria de parar o programa do A380 caso a Emirates não fizesse uma nova encomenda. O avião não tinha encomendas há dois anos. Desde que o A380, o maior avião comercial do mundo, foi lançado, em 2007 e até ao final 2017, a Airbus recebeu 317 encomendas e entregou 221 aeronaves. A Emirates tem a maior frota.

You must be logged in to post a comment Login