Connect
To Top

“Kuimba Ni Kukina” reúne ritmos do Reino do Ndongo

“Kuimba Ni Kukina”, em língua nacional Kimbundu, que em português significa “Cantar e Dançar”, pretende dinamizar, valorizar a música e dança ancestral de todos os grupos étnicos que ocupam o território nacional.

Os grupos Kieto Uva, Kumby Ly Xya e Dilangues do Ambaca trarão ao Palácio de Ferro, no próximo dia 09 de Fevereiro, do corrente ano, a partir das 19h30, os ritmos e danças do reino do Ndongo, no âmbito do projecto cultural “Kuimba Ni Kukina”, uma iniciativa da Dumay Missete Produções em parceria com a Fundação Sindika Dokolo.

A proposta vem na sequência do Festival de Música Ancestral Bantu (MUANBA 2017), uma produção da Fundação Sindika Dokolo, sob coordenação de Jorge Mulumba, que em três dias reuniu nove grupos ancestrais, quatro propostas de fusões e duas de rebita.

“Kuimba Ni Kukina”, em língua nacional Kimbundu, que em português significa “Cantar e Dançar”, pretende dinamizar, valorizar a música e dança ancestral de todos os grupos étnicos que ocupam o território nacional. É uma iniciativa da Dumay Missete Produções em parceria com a Fundação Sindika Dokolo.

You must be logged in to post a comment Login